Blog

Ano novo, problema antigo!

Notícias

App de delivery é condenado a indenizar consumidora por não ter entregado ceia de Natal. Confira!

Os aplicativos de delivery cresceram exponencialmente na pandemia. Com a proposta de facilitar a vida das pessoas, sem a necessidade de que saiam de casa, acabou se tornando uma boa pedida mesmo em tempos não pandêmicos.

Porém, não foi o que aconteceu com uma consumidora de Jabaquara/SP. A mulher encomendou sua ceia de Natal junto a um app de delivery, que nunca realizou a entrega. No dia, o app informou que o pneu da moto do entregador havia furado, o que não correspondia aos dados constantes na plataforma.

Em primeiro grau, o app foi condenado a indenizar a consumidora pelos danos materiais, no valor do pedido realizado e pago, porém nunca recebido, além de danos morais, no valor de R$ 3 mil. A juíza Samira de Castro Lorena entendeu ter havido falha na prestação do serviço, que privou a consumidora de seus alimentos:

"O valor pretendido a título de danos materiais está comprovado pelos documentos. O dano moral igualmente encontra-se presente diante da demonstrada angústia, tristeza e sentimento de impotência gerados em virtude da perda do kit natalino que seria utilizado na ceia natalina e displicência com que a consumidora fora tratada pelos prepostos da ré ao comunicar ocorrido e solicitar inúmeras vezes solução do problema."

A decisão foi mantida em segundo grau, onde houve reconhecimento de que a consumidora foi vítima de golpe do entregador, que era vinculado ao aplicativo.

Gostou? Em caso de alguma dúvida, entre em contato através de nosso site ou WhatsApp: http://bit.ly/2wLoGGq.

keyboard_arrow_up Ícone Whatsapp PNG